Notícias

Após cinco anos, obras do Plaza Shopping Maricá serão retomadas !!

09/01/2019 - Plaza Shopping de Maricá !!

noticias

Depois de quase cinco anos, as obras do Maricá Plaza Shopping serão retomadas no segundo semestre deste ano, na cidade fluminense que leva o nome do empreendimento.

A decisão foi baseada na expectativa da recuperação do setor de óleo e gás, já que Maricá é uma das cidades do Estado que mais se beneficia atualmente dos royalties. Com investimentos estimados em cerca de R$ 100 milhões, o projeto da SGGC tem como sócios a RABR, de Reinaldo Rique, irmão do fundador da Aliansce, Renato Rique, e o grupo Magus, dono do Shopping Recife, em Pernambuco.

Inicialmente, a decisão da construção do shopping ocorreu em 2012, após a compra do terreno, localizado às margens da Rodovia Amaral Peixoto (RJ-106). “Era outro Brasil, outra economia. Até o que se fazia errado dava certo”, diz o sócio-fundador da SGGC, Sergio Brandão Marins. Na ocasião, as atuais lojas-âncoras — Renner, Riachuelo e Lojas Americanas — já haviam sido comercializadas.

A terraplenagem teve início em 2014, mas com a piora da economia, o projeto foi adiado. “Fomos o primeiro operador de mercado a parar as obras de um shopping. Na época foi uma surpresa para as âncoras”, lembra o executivo. A decisão pela retomada ocorreu após as eleições de 2018.

As obras terão início no segundo semestre. Passados os primeiros três meses do governo Bolsonaro, será feita uma reavaliação do número de lojas-satélite, diz Brandão. A expectativa é que o número de pontos de venda seja mantido. Mas se for verificada necessidade de redução, não será menor que 85 lojas. Também será avaliada a instalação de uma rede de atacarejo. A previsão é que o shopping que pronto em 2021.

Com população de cerca de 150 mil habitantes, a cidade tem capacidade de receber um shopping de porte médio, na visão do executivo. Segundo ele, o empreendimento terá capacidade de atrair pessoas de cidades vizinhas como Saquarema, Araruama, Itaboraí e Niterói, elevando o público potencial para mais de 200 mil.

Para o executivo, a escolha da retomada do empreendimento de Maricá se deu pelas perspectivas de recuperação e crescimento da região, mas de forma geral ainda é cedo para lançar projetos “greeneld”, como são chamadas as construções a partir do zero .

 
 




Fonte: Maricá Info

Outras Notícias

Justiça autoriza obras para construção do Porto de Jaconé, em Maricá (RJ).

Um projeto que há mais de 10 anos não sai do papel pode se tornar realidade em breve. O Governo do Estado do Rio de Janeiro conseguiu um...

Região Portuária do Rio terá o ‘Porto Maravalley’

De acordo com o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Simplificação, Chicão Bu...

NA RIO OIL & GAS, MINISTRO DE MINAS E ENERGIA PREVÊ INVESTIMENTOS DE US$ 415 BILHÕES NOS PRÓXIMOS 10 ANOS EM O&G

O ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, participou na noite desta segunda-feira da cerimônia de abertura da feira Rio Oil & Gas 2020. Em sua fa...

Varejistas aceleram investimentos em logística e aplicativos. Entenda a disputa e o futuro do e-commerce

SÃO PAULO – O e-commerce brasileiro teve uma alta de quase 57% nas vendas nos primeiros oito meses do ano — totalizando R$ 42 bilh&...

Na crise, empresas migram para galpões.

Pequenos lojistas de shopping center e distribuidores de produtos de moda, por exemplo, encontraram uma forma mais barata e prática para econom...

Alta do e-commerce impulsionou a busca por espaços de distribuição; empresários antecipam investimentos para atender nova demanda

Enquanto a maior parte dos setores econômicos despencou para o vermelho em meio à pandemia do novo coronavírus, o de locaç&...

Niterói terá pólo econômico voltado para pesca e indústria naval.

As imediações do Canal de São Lourenço, na Região Portuária de Niterói, estão próximas ...

CEO da IDB Brasil garante investimento em Maricá em carta enviada às autoridades

CEO da IDB Brasil garante, em carta às autoridades, permanência do projeto MARAEY, com investimentos de R$ 11 bilhões em Maricá Emilio Izquierdo Merlo re...

Comperj: Empresas com isenção de ICMS devem gerar 3.500 empregos para população local, da construção à operação

De acordo com a Lei 8.707/2020 — sancionada pelo governador Wilson Witzel e publicada no Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro desta terça-feira (dia...

Comperj: empresas terão que gerar empregos para todas as fases

As empresas que recebem isenção do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) - por integrarem o Com...